A árvore da árvore

A árvore dourada

passou todo o Verão

injectando sol nas veias.

No fim do estio,

as cores quentes do sol

sobem à orla da árvore.

A árvore troca

a verde indumentária

por um soberbo vestido de gala:

amarelos magníficos,

laranjas opulentos,

vermelhos arrebatados.

Com o Outono,

tornam-se escarlate profundo

todas as folhas da árvore

A árvore despede-se

das cores que acumulou na seiva

e fica nua, absorta.

Indiferente à borrasca,

oculto no seio da árvore,

o vigor de um sonho primaveril.

5 comentários a “A árvore da árvore

Os comentários estão fechados.